EXAMES

A sorologia é o exame capaz de detectar os níveis de anticorpos IgM e IgG ou IgA e IgG no sangue. Ou seja, o resultado do teste diz se a pessoa já teve contato com o vírus SARS-CoV-2 e o sistema imunológico produziu os anticorpos contra a doença. Como o organismo só começa a produzir anticorpos depois que a infecção está instalada, o exame é recomendado a partir do 10º dia de início dos sintomas.

O PCR serve para detectar a presença do vírus no organismo do paciente. Analisando o material coletado do nariz e da garganta do paciente, o exame consegue identificar a presença do RNA do vírus.

Trata-se de um teste rápido, simples e indolor, no qual, o paciente é colocado dentro de uma cabine acústica livre de ruídos do ambiente.

A campimetria é um exame que avalia problemas de visão e áreas sem visão do campo visual, indicando se existe cegueira em alguma região do olho, mesmo que o paciente não perceba o problema.

A colonoscopia é o exame endoscópico do intestino grosso e do reto podendo incluir a porção distal do íleo. É realizado principalmente para detecção de pólipos, que podem sofrer transformação para malignidade. O exame também pode detectar cânceres nos seus diverso estágios.

A densitometria óssea é usada para analisar possíveis perdas de massa óssea que podem indicar osteopenia ou osteoporose.

O teste de DNA é uma metodologia molecular utilizada para determinar se dois indivíduos possuem vínculo biológico ou não, comparando as sequências de DNA entre eles.

Método que utiliza a ultrassonografia e suas aplicações para a avaliação não invasiva dos sistemas vasculares (artérias e veias). Fornece informações sobre a morfologia vascular (modo B) bem como das condições do fluxo sanguíneo (Doppler pulsado com mapeamento a cores).

O ecocardiograma permite ao médico avaliar aspectos anatômicos e funcionais tanto das paredes quanto das cavidades cardíacas (tamanho das cavidades, espessura das paredes, movimentação das válvulas cardíacas, etc.), bem como de aspetos funcionais do coração.

O eletrocardiograma, ou ECG, é um exame feito para avaliar a atividade elétrica do coração, observando, assim, o ritmo, a quantidade e a velocidade das suas batidas.

Eletroencefalograma é um exame que avalia a atividade elétrica do cérebro. O procedimento é rápido, seguro, indolor e não invasivo. Conhecido também como eletroencefalografia ou EEG, ele amplifica os impulsos elétricos cerebrais e os registra de forma gráfica.

A endoscopia é capaz de identificar sinais de uma série de doenças muito comuns do trato digestivo, como gastrites, esofagites e refluxo gastroesofágico, além de ajudar no diagnóstico de doenças mais graves, como hérnia de hiato e câncer no estômago.

Endoscopia nasal é um exame endoscópico e indolor, também conhecido como nasofibroscopia. Ele é usado para avaliação completa da cavidade nasal: incluindo faringe, cordas vocais e laringe, quando necessário.

A escleroterapia é um tratamento feito pelo médico angiologista para eliminar ou diminuir veias e, por isso, é muito usado para tratar vasinhos na pele ou varizes.

Espirometria é um exame que mede a quantidade de ar que uma pessoa é capaz de inspirar ou expirar a cada vez que respira, ou seja, a quantidade de ar que um indivíduo é capaz de colocar para dentro e para fora dos pulmões e a velocidade com que o faz (análise dos fluxos).

Uma das principais finalidades dos testes laboratoriais é auxiliar o raciocínio médico após a obtenção da história clínica e a realização do exame físico. Por exemplo, o hemograma é o exame para avaliar as três principais linhagens de células do sangue (hemácias, leucócitos e plaquetas). É o mais complexo e o que merece maiores explicações.

O Holter é um monitor portátil que registra a atividade elétrica do coração e suas variações durante as 24 horas do dia.

É um exame complementar ao eletrocardiograma digital para detectar alterações que em geral não aparecem num exame de tempo mais limitado, de alguns minutos, como acontece no ECG em repouso.

A Laringoscopia é um procedimento realizado para diagnosticar doenças da laringe. Tal exame é realizado sob anestesia tópica da faringe e da laringe supraglótica

A mamografia é um tipo de raio-x realizado em um aparelho chamado mamógrafo, que comprime a mama e gera imagens de alta qualidade capazes de revelar a existência de sinais precoces do câncer de mama.

A Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial (M.A.P.A.) é o exame que mede a pressão arterial a cada 20 minutos, durante 24 horas, para a obtenção do registro da pressão arterial durante a vigília e o sono.

O exame de microscopia especular verifica a densidade e a qualidade das células presentes no endotélio corneano.
O exame é realizado no pré-operatório de cirurgia catarata, no pré-operatório de cirurgias refrativas e cirurgias corneanas, para controle do uso de lentes de contato, para a avaliação doenças da córnea.

O exame de paquimetria ocular é o processo que nos permite medir a espessura da córnea. A córnea é a parte transparente do olho através da qual visualizamos a íris, a pupila e o fundo ocular.

A determinação da espessura corneana é fundamental no diagnóstico de algumas doenças dos olhos ou, então, como avaliação pré-operatória de algumas cirurgias. A paquimetria ocular é um exame oftalmológico que também é essencial no acompanhamento e avaliação da eficácia do tratamento em algumas doenças dos olhos.

O exame preventivo ginecológico, também chamado de teste de Papanicolau, é indicado para examinar o colo do útero das mulheres e detectar alguma anormalidade como DSTs, câncer de colo do útero ou HPV.

A punção de mama é um procedimento realizado para diagnosticar do que é constituída uma lesão na mama, como por exemplo, um nódulo. É um procedimento que esclarece várias coisas, e ajuda os mastologistas a descobrirem se o nódulo é benigno ou maligno.
A punção da tireóide é o melhor exame para determinar se um nódulo de tireoide é benigno ou maligno, o que é uma informação essencial para determinar o tipo de tratamento que deve ser realizado a seguir.

O exame de raios X ou radiografia é um exame de imagem não invasivo muito popular, que ajuda no diagnóstico de fraturas e doenças com o uso de radiação atravessa órgãos e tecidos e cria imagens da região de interesse.

A ressonância magnética é um exame de diagnóstico por imagem que consegue criar imagens de alta definição dos órgãos internos através da utilização de campo magnético.

A Retinografia é um exame de imagem que fotografa as áreas do fundo do olho como a retina, a coróide, o nervo óptico e os vasos sanguíneos.
Serve para fazer o mapeamento dos olhos e, com isso, diagnosticar e auxiliar no acompanhamento de problemas oculares como glaucoma, retinopatia diabética, diabetes mellitus, entre outros.

A Retossigmoidoscopia é um exame endoscópico de imagem realizado através da observação direta do interior do canal anal, reto e cólon sigmóide e intestino grosso.

O Teste da Orelhinha, ou “exame de emissões otoacústicas evocadas”, é o método mais moderno para constatar problemas auditivos nos recém-nascidos.

O teste ergométrico serve para a avaliação ampla do funcionamento cardiovascular, quando submetido a esforço físico gradualmente crescente, em esteira rolante. São observados os sintomas, os comportamentos da frequência cardíaca, da pressão arterial e do eletrocardiograma antes, durante e após o esforço.

O Teste do Pezinho é um exame rápido em que gotinhas de sangue do calcanhar do bebê são coletadas e tem a finalidade de diagnosticar e impedir o desenvolvimento de doenças genéticas ou metabólicas que podem levar à deficiência intelectual ou causar prejuízos à qualidade de vida.

Com este exame, é possível diagnosticar até 50 doenças. Muitas delas não apresentam sintomas ao nascimento e podem aparecer mesmo sem casos na família.

Para que a prevenção seja possível, a coleta deve ser efetuada entre o 3º e 5º dia de vida do bebê.

O exame BERA (Brainstem Evoked Response Audiometry), também conhecido como PEATE ou Potencial Evocado Auditivo do Tronco Encefálico, é um exame que avalia todo o sistema auditivo, verificando a ausência ou presença de perda auditiva, que pode ser devido à lesão na cóclea, no nervo auditivo ou no tronco encefálico, o que pode comprometer o desenvolvimento da fala, por exemplo.

Tonometria é o processo de medição da pressão interna do globo ocular. Esse teste é muito comum em pacientes com suspeita de glaucoma.

A topografia corneana deve ser feita em uma clínica médica oftalmológica, que possa oferecer equipamentos e profissionais qualificados para a realização do exame.

A ultrassonografia ou ecografia é um método diagnóstico muito recorrente na medicina moderna que utiliza o eco gerado através de ondas ultrassônicas de alta frequência para visualizar, em tempo real, as estruturas internas do organismo.

No Content